Coraline (Pllano Geral)

E aí pessoal, como vocês aparentemente gostaram bastante do quadro de Dicas da Netflix, já que a última postagem teve bastante acesso (Veja aqui), hoje trago para vocês uma animação de muito sucesso, mas que infelizmente muitas pessoas ainda não assistiram.

Dica de Hoje: Coraline e o Mundo Secreto
Lançamento: 2009
Direção: Henry Selick
Gênero: Animação/Fantasia
Tempo de Filme: 1h40min

Com um estilo de animação que foi muito utilizado – o stop motion –, a obra não se tornou datada, pois tem muito mais a oferecer do que seu visual. A aventura é baseada no livro Coraline, do escritor Neil Gaiman.

Para os amantes de Alice no País das Maravilhas, o filme é um prato cheio, já que as referências aos livros de Lewis Carroll estão por toda parte, desde o gato guia que some e aparece quando bem entende, a algumas distorções de um mundo alternativo. Porém, a animação é um pouco mais sombria, abordando alguns temas de forma obscura, que tendem a assustar até os adultos.

Por que vale a pena?

O filme é uma obrigação para os amantes do cinema, apesar de ser bastante baseada em Alice – como já foi dito –, a obra é uma aula do uso do stop motion, que já foi uma técnica bastante difundida e que ainda faz parte do aprendizado em muitas escolas de animação.

Além disso, seu roteiro é intrigante e mostra muito elementos ocultos ao desenrolar da trama, que por sinal, é exatamente isso que o filme tem de melhor. Na obra você encontra vários sub-textos de cunho psicológico, centrado principalmente na abordagem de controle mental. Não irei entrar em detalhes, mas assista ao filme buscando pescar o que há por baixo do enredo principal. Se tiver curiosidade e quiser mais detalhes sobre o que são esses sub-textos, é só me procurar.

Um abraço!

0 Comentários